oque-e-astrologia

O que é Astrologia?

Para a pergunta: “o que é astrologia?seria a astrologia algo mágico e divinatório que prevê o futuro?  Ou a astrologia é mais uma pseudociência que não tem valor algum, é pura fantasia?

A pergunta, “o que é astrologia?”, é aparentemente simples, mas a resposta, certamente, é bem complexa.

A astrologia não é o que aparenta. Muitos poderiam dizer que ela é uma ciência dos signos; bem, ela estuda signos em seu campo imaginário, no universo, e as relações com a vida terrena, porém não é restrita aos signos.

Alguns dizem que ela é o estudo ultrapassado do universo, o que equivaleria dizer que fora uma astronomia no passado. 

Dentro do conhecimento que se tem sobre a tradição astrológica com o passar do tempo, há quem diga que a astronomia surgiu da astrologia. 

Nosso intuito aqui não é trazer uma discussão “acadêmica” para o tema. 

Neste brevíssimo texto, procuraremos expor quais os mais interessantes e diversos pontos que nos vem no dia de hoje, para tentar esclarecer um pouco essa tão recorrente pergunta. Demonstraremos, em 6 pontos, reflexões sobre a pergunta. Vem conosco!  

1. O que é Astrologia? “Sou Atemporal”!

O que é astrologia senão uma prática e conhecimento milenar?

Um conhecimento que busca correlacionar o movimento dos astros com os acontecimentos terrestres, em busca de respostas às questões pessoais e as grandes perguntas do sentido da existência e do cosmos, bem como para situações práticas do dia-a-dia. 

Em todas as culturas observamos sistemas astrológicos, do oriente ao ocidente, passando pela América central e América do sul.

Todos de uma forma ou de outra buscaram no céu uma bússola para tentar resolver conflitos interiores e compreender-se a si e à sociedade por meio do estudo exterior dos astros e planetas.

Portanto, a astrologia, mais do que um conhecimento explicativo da posição das constelações, planetas, sol, lua e que estima a posição dos astros espaciais, tem base solidificada nas vontades e desejos de vários povos e tribos, simultaneamente.

oque-e-astrologia

O que mais admira a qualquer estudante, entusiasta ou admirador de astrologia é sua capacidade de transmutar-se ao longo do tempo sem jamais perder o posto de conhecimento sério e fidedigno, mesmo tendo sido perseguida por muito tempo.

Muito pode-se questionar se a astrologia é ou não ciência, porém a questão não é  duvidar ou não da sua “existência” ou se ela “funciona”.

Afinal, não seria justamente por ela existir e ser útil que ainda tem seu espaço na vida das pessoas?

2. O que é Astrologia? “Sou Conhecimento”!

Por isso, sempre quando perguntado “o que é astrologia” e se a astrologia é ou não cientificamente comprovada, a resposta pode ser simples e direta: a astrologia não precisa ser comprovada por métodos científicos.

Pois, a astrologia é um conhecimento milenar que ultrapassou épocas distintas, e de lá para cá se mantém como conhecimento útil para diversas pessoas e grupos, em todo o globo e, também, já ocupou até mesmo o posto de que a ciência se orgulha, a de conhecimento ou ciência explicativa dos astros e planetas.

Já parou para pensar que a ciência não fornece respostas às questões essenciais? Exato.

Estas do tipo:

  1. “Quem somos nós?”
  2. “Por que estamos aqui?”
  3. “Para onde vamos?”

Essas são perguntas que acompanham o ser humano desde sempre! Todo mundo deseja ter direcionamento, saber de onde vem e para onde vai…

E quando os primeiros estudiosos do céu identificaram determinados padrões nos movimentos celestes x acontecimentos terrestres, eles perceberam que ali poderiam estar algumas pistas para se obter respostas à essas e à tantas outras perguntas.

astrologia-bussola-direcionamento-direcao

Conhecimento demanda observação, paciência, registros, reflexão, método.

E a astrologia apresenta esses pontos e muitos outros. Fato é que nem todo conhecimento será aceito por todos. E com a astrologia não seria diferente.

Mas o fato de que existem pessoas que não a consideram um conhecimento útil ou relevante não retira dela o status de conhecimento. Goste quem gostar.

3. O que é a Astrologia? “Não Sou de Ninguém”! 

Alguém poderia se perguntar; “mas quando foi que surgiu o tal dito conhecimento aí?!

Olha, ele vem de longa, mas muito, muito longa data, ao ponto de não ser possível responder à pergunta de quando exatamente surgiu a astrologia.

Certamente, que tivemos vários sistemas astrológicos no mundo, mas o que nos interessa, aqui no ocidente e neste texto, é a astrologia ocidental. Mas mesmo demarcando de qual astrologia falamos, é difícil (para não dizer impossível) saber quando surgiu. Porém, é possível analisar seu percurso na história, que por sinal, sempre esteve presente.

As influências que a astrologia recebeu e recebe, ainda hoje, foram as mais variadas possíveis.

Imagine um mundo em que você tem o Alcorão, as escrituras sagradas de Moisés, a literatura védica na índia e que influenciou o hinduísmo. Homero, Ilíada e Odisseia, que foram os grandes livros que influenciaram e fortaleceram o paganismo e mitologia grega. A cabala, mais tardiamente, entre outros muitos livros de conhecimento prático, moral e espiritual.

Nesse cenário, que não tem tempo definido, apenas a influência de culturas sobre outras, a astrologia está inserida. Porém, distintamente a astrologia não tem livro sagrado nem profeta, nada disso. Parece ser um conhecimento inato e de toda humanidade, como dizem por aí. 

Como podem todos ao mesmo tempo terem a mesma ideia sobre os astros e planetas no mundo? Têm-se fragmentos de astrologia tanto na Colômbia quanto no Egito. E por aí vai…

 

4. O que é Astrologia? “Sou Contemporânea”!

Por falar no Egito, é daí que partem os estudos atuais da denominada astrologia tradicional ou ocidental.

Se a astrologia nasceu na antiga babilônia ou no antigo Egito isso é discussão para especialistas, fato é que ela nasceu nestas proximidades e teve influência sobre estas duas culturas. 

A cultura egípcia recebeu fortemente a influência da astrologia, até porque a tradição diz que do conhecimento egípcio se originou um dos escritos que mais influenciaram a literatura do ocidente durante os séculos posteriores. Estamos falando dos textos de Hermes Trismegistus que apareceram apenas na era cristã (há muita discussão entre especialistas sobre a data de origem e da autoria dos escritos de Trismegistus) .

Entre esses ensinamentos relacionados à Trismegistus, estão os sete princípios herméticos, com os quais a astrologia “flerta”. 

Dentre estes sete, vamos citar o princípio da correspondência, o qual diz:

O que está em cima é como o que está embaixo, e o que está embaixo é como o que está em cima.” – Livro: O Caibalion: Estudo da filosofia hermética do antigo Egito e da Grécia Capa comum – Edição padrão, 3 junho 2021 / pág. 13.

Neste princípio encontramos a reflexão de que existe muito mais do que podemos ver, perceber, identificar puramente com nossos sentidos e racionalidade. 

Assim, muitos dos padrões identificados pelos estudos astrológicos são pautados na idéia de que existe uma correlação do que está em cima com o que está embaixo. E quem pode explicar ou provar absolutamente tudo hoje em dia? 

Para além disso, hoje temos a urgência de simplificar nossas escolhas. Sendo assim, a astrologia se mostra uma ferramenta poderosa através do mapa astrológico e toda a gama de possibilidades que as análises realizadas por um astrólogo competente podem oferecer.

autoconhecimento-escolhas-praticidade-astrologia

 
5. O que é Astrologia? “Sou o Todo”!

Ainda falando sobre os, assim chamados, princípios herméticos , vimos anteriormente que os mesmos foram influência para os estudiosos de astrologia e um modo de explicar o que é astrologia.

Sem mais delongas, a astrologia trata do todo, de nós e dos céus, bem como sobre existir nesta correlação extremos, como veremos a seguir.

E para aqueles que acham que existe uma briga entre “o que é terreno e o que é celeste”, a astrologia vem para dizer: “o caminho para verdadeira felicidade consiste em ser você unificado com o todo, não havendo ruptura entre você e o cosmos”.

Ou seja, encontra-se em outro princípio hermético, dentre os sete, que clarifica de modo ímpar. O princípio da polaridade diz que

“Tudo é Duplo; tudo tem pólos; tudo tem o seu oposto; o igual e o desigual são a mesma coisa; os opostos são idênticos em natureza, mas diferentes em grau; os
extremos se tocam; todas as verdades são meias verdades; todos os paradoxos podem ser reconciliados.” –  Livro: O Caibalion: Estudo da filosofia hermética do antigo Egito e da Grécia Capa comum – Edição padrão, 3 junho 2021 / pág. 15.

 

Isso é basilar para o entendimento de tudo que permeia a astrologia.

astrologia-o-todo-hermetismo

6. O que é Astrologia? “Sou Praticidade”!

Refletir sobre o que é astrologia é saber que suas ações não foram tomadas de modo criativo, inventado ou imparcial. 

Vimos que a astrologia surgiu com a necessidade desde sempre de se encontrar respostas para questões “existenciais”, mas uma outra faceta ainda pouco falada da astrologia é seu aspecto prático!

Sim. Afinal, o ser humano precisa lidar com questões “corriqueiras” no dia-a-dia: burocracia, contas para pagar, estudos, profissão, clientes, ganhar dinheiro, consumo, deslocamento, morte, pagamento de impostos, desavenças, comunicação, etc.

E para todas essas e outras facetas da nossa vida temos na astrologia possibilidades de compreensão (do nosso “modus operandi”  e de pessoas com quem convivemos), bem como de antecipação de oportunidades bem como de desafios (o que chamamos de astrologia preditiva). 

A astrologia, sendo um sistema de correlação, de correspondência, reflete no mapa astrológico (que é individual, cada pessoa tem o seu de acordo com o seu nascimento. Saiba como gerar gratuitamente o seu aqui) o que já aconteceu, o que está acontecendo e o que pode vir a  acontecer. É o que chamamos de “estatística celeste”.

Não cabe aqui uma explicação mais detalhada sobre como se dá isso, uma vez que é um conteúdo mais técnico e mais denso, porém para você que deseja ir além dos memes de signos e de críticas repetidas que se encontra facilmente por aí, eu preparei uma série especial com um mini guia, um passo a passo para você começar a aprender a astrologia de maneira simples e com um conteúdo de fácil acesso.

Para acessar esse conteúdo gratuito é só clicar aqui. 

Afinal, o que é astrologia?

 

Você pode encontrar várias definições para a astrologia. Um dos pontos a se considerar, porém, é que conhecimento, como diria o filósofo, é poder.

Houve um tempo em que a astrologia foi restrita à quem tinha status, poder financeiro: reis, rainhas, chefes de Estado, líderes religiosos, líderes em todos os níveis. Assim, é válida nossa reflexão sobre o por que desse ter sido um conhecimento outrora tão restrito e posteriormente tão perseguido…conhecimento, para além de poder, também traz independência, discernimento.

Independente de rótulos, de crença, fica evidente que a astrologia é um conhecimento mais acessível hoje do que já foi na história. E que bom que estamos vivendo esse “ressurgimento” dela.

Infelizmente, com esse movimento, também temos muita informação sem qualidade, rasa e cheia de preconceito, principalmente com os estereótipos, aqueles do tipo: todo leonino é egocêntrico, todo canceriano é dramático, e por aí vai…

Isso vem dos tempos em que houve uma tentativa de retomada da popularidade da astrologia (com os horóscopos de jornais e revistas) e que persiste até hoje.

A boa notícia é que com a astrologia se tornando pauta novamente nos últimos anos, aqueles que se interessam em entender de onde ela vem, suas bases (fundamentação) e sua aplicabilidade, de maneira séria, podem se aprofundar e tirar suas próprias conclusões.

aprender-astrologia

 

Meu convite à você, querida (o) leitora (a), é que busque por informações de qualidade e tenha sua própria concepção sobre o que é a astrologia e como ela pode contribuir no seu processo de autoconhecimento e empoderamento pessoal. Afinal, esse é o propósito de todo conhecimento: servir da melhor forma àquele que tem acesso ao mesmo.

Caso queira aprender astrologia, não deixe de conferir o mini guia que está disponível aqui no blog (gratuitamente)

Gostou deste artigo? Deixe sua mensagem aqui nos comentários e até a próxima!

 

 

 

 

2 comentários em “O que é Astrologia?”

  1. Pingback: Como o tarot funciona - Sú Almeida

  2. Pingback: O Tarot e os quatro elementos (4 naipes) - Sú Almeida

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

plugins premium WordPress
Rolar para cima

Reserve já a sua consultoria gratuita

Preencha o formulário abaixo para agendar uma sessão de consultoria online de desenvolvimento pessoal sem compromisso de 30 minutos.

Responderei dentro de 48 horas.